Segunda-feira, 27 de Junho de 2016

«Someday this war's gonna end»

Vi Apocalypse Now pela décima vez (se calhar foram menos...) e há sempre duas sequências de imagens que arrepiam.

Procurei e descobri (afinal parece que tudo se pode descobrir no Youtube...) essas "peças" do filme e, de facto, quer a sequência de abertura do filme - To the End, dos Doors -, quer sobretudo a sequência do bombardeamento na praia, com napalm a queimar o chão, soldados a surfar as ondas (com a Cavalgada das Valquírias,  de Wagner, em fundo) e as absurdas palavras do comandante das tropas - I love the smell of napalm in the morning, para logo de seguida setenciar: someday this war's gonna end  - traduzem bem a irracionalidade da guerra e, já agora, a genialidade de Copolla.

Este é um daqueles filmes que vemos uma vez e vamos revendo... Aquela guerra, como qualquer outra, um dia acabou! Ficou uma geração cheia de coisa nenhuma...

 

 

 

Tags:
Publicado por Fernando Delgado às 00:45
| Comentar post
Patilhar
Fernando Delgado

Pesquisar

 

Posts recentes

«Tempo»

«Uma narrativa para a pai...

Guião para um filme tragi...

Guião para um filme tragi...

«... para uma geografia e...

Bertolucci

«O Bode Expiatório»

«A Invenção da paisagem»

«BBB»

wildfire

granum

A. Lobo Antunes

«Cebola crua com sal e br...

«mundos mudos» no papalag...

Steinbeck

... fogos gregos

Stefan Zweig

Hermann Hesse

«Mudar de Vida»

Os "interiores"

Função social da propried...

Word Press Photo

Contributos para uma inte...

A terra do Capuchinho Ver...

Contributos para uma inte...

Tags

aprender

canções

esboços

estórias

interiores

leituras

notícias do casino

outros olhares

peanuts

rural

todas as tags

Arquivos