Quinta-feira, 30 de Março de 2006

PRACE

Começaram pela macroestrutura - fizeram bem! Só não tenho a certeza se existe um fio condutor para tudo isto, uma estratégia pensada e amadurecida que suporte uma definição clara das microestruturas - aí sim, onde o futuro se traduz no dia a dia...
De qualquer modo é a primeira vez (que me lembro) que se decidiu levantar a tampa da panela para deixar saír (ou expulsar?) uns vapores em excesso... Ainda não se alteraram condimentos! Só espero que a panela não se entorne, ou que uma espera excessiva liberte odores de esturro, típicos de alguns legumes do Terreiro do Paço...
Publicado por Fernando Delgado às 23:56
| Comentar post
Patilhar
Fernando Delgado

Pesquisar

 

Posts recentes

Stefan Zweig

Hermann Hesse

«Mudar de Vida»

Os "interiores"

Função social da propried...

Word Press Photo

Contributos para uma inte...

A terra do Capuchinho Ver...

Contributos para uma inte...

«Quando vier a primavera»

Contributos para uma inte...

Amenidades invernais

Contributos para uma inte...

A oeste nada de novo*

Lili Artic Golden, sem li...

Valha-nos deus

Tejo nauseabundo

Lobbies

Bocejos

Contributos para uma inte...

O envelhecimento é a acum...

mapas rurais

Ajustando as velas

Contrastes

Contributos para uma inte...

Tags

aprender

canções

esboços

estórias

interiores

leituras

notícias do casino

outros olhares

peanuts

rural

todas as tags

Arquivos