Quinta-feira, 26 de Março de 2015

Ingénuos(?!)

Há um artigo no site da Green Savers intitulado “Herbicida mais vendido em Portugal pode provocar o cancro” que vale a pena comentar. Não pelo título – é evidente que todos os produtos fitofarmacêuticos são potencialmente perigosos, provoquem ou não o cancro -, mas pelo momento em que aparece.

O glifosato “perdeu” a patente e com isso surgiram dezenas de empresas a comercializar o produto (tipo linha branca), cujo preço baixou drasticamente. Dito de uma forma mais realista, a Monsanto deixou de ganhar milhões com este produto (deve ter-se em atenção que as sementes Roundup Ready de soja e milho, entre outras, também são da Monsanto).

Assim sendo, é preciso saber quem criou este “facto”, tão cancerígeno como o próprio glifosato. É que no mundo dos negócios, para algumas empresas, vale tudo, e os mais ingénuos são os primeiros a propagar a notícia. Espero bem que me engane, mas como não acredito em coincidências é muito provável que dentro de pouco tempo surja no mercado um produto novo, inovador e sem a mínima hipótese de provocar cancro, que por uns bons anos ostentará uma patente que vale milhões... Querem apostar?

Tags:
Publicado por Fernando Delgado às 00:36
| Comentar post
Patilhar
Fernando Delgado

Pesquisar

 

Posts recentes

mapas rurais

Ajustando as velas

Contrastes

Religiões

Negro profundo

«Ninguém desce vivo de um...

Recomeços

«Custo social dos incêndi...

Sinais

Recoleção

Domesticação...

"geografia das ausências"

Galerias ripícolas

do res nulius ao black ac...

A case of you

Assimetrias

J. Fanha

Eduardo Mendoza

«o pregador de verdades d...

Belos dias

A Gente Vai Continuar

Talamou

Dylon

«A realidade é uma opiniã...

«Human»

Tags

aprender

canções

estórias

interiores

leituras

notícias do casino

outros olhares

peanuts

pintura

rural

todas as tags

Arquivos