Domingo, 19 de Fevereiro de 2017

Belos dias

Entre um twit e uma conferência de imprensa (o twit sobre o que não disse na conferência de imprensa e a conferência de imprensa como ponto de partida para um novo twit...), onde tudo o que diz e escreve é absurdo, Trump vai compondo uma figura caricata que faz as delícias de qualquer humorista - há uns programas de tv's americanas, na SICN, que vale a pena ver...

Cavaco publicou um livro, um livro escrito por ele, com muitas páginas (consta que José Rodrigues dos Santos decidiu adiar a publicação de um novo volume para lhe acrescentar mais umas centenas de páginas...) Quem bom, que felizes estamos!

Marcelo já chegou à dezena de milhões de selfies. Parece que já não há nenhum português sem uma foto, emoldurada na sala, com o presidente. Do sofá desbotado, toda a família olha enlevada para as molduras (sim, no plural - uma com o avô, outra com a mãe e ainda outra com a filha - apesar das famílias portuguesas serem cada vez mais pequenas) mesmo ao lado da televisão, enquanto o Goucha, a cores e ao vivo, parece embrulhado num casaco com um padrão de colchão primaveril...

Centeno tem medo de dizer que mentiu! Não há ninguém que lhe diga que a mentira em política é uma virtude?

Que merda de mundo este!

 

Tags:
Publicado por Fernando Delgado às 00:09
| Comentar post
Patilhar
Fernando Delgado

Pesquisar

 

Posts recentes

A case of you

Assimetrias

J. Fanha

Eduardo Mendoza

«o pregador de verdades d...

Belos dias

A Gente Vai Continuar

Talamou

Dylon

«A realidade é uma opiniã...

«Human»

Outono

MEC sobre Trump

À espera de Godot

De Niro, sem maquilhagem

Guterres

Arturo Pérez-Reverte

Achamentos na Costa Vicen...

(Gente) sinistro(a)

«Someday this war's gonna...

BREXIT (adenda)

Brexit

Carla Bley

A Seiva da Raíz

Regresso à «Tabacaria»

Tags

aprender

canções

estórias

interiores

leituras

notícias do casino

outros olhares

peanuts

pintura

rural

todas as tags

Arquivos