Terça-feira, 11 de Maio de 2010

Eyjafjallajökull

«FALADURA ISLANDESA

Gaia espirrou, levemente, através de um buraquinho na ilha branca do atlântico norte.
Os gafanhotos espalharam-se pela Europa.
Em nenhum dos noticiários (h)orais na tilfonia ou na tilvisão eu ouvi o locutor dizer o nome do vulcão do buraquinho. Ficam-se todos por "vulcão islandês". Estou desconfiado que sei porquê: Eyjafjallajökull. À primeira parece difícil, mas à quarta, a fala dura islandesa já não é tanto.

[...]»

 

Para conferir no Baságueda.

 

Já agora, amigo Karraio, não ouviste dizer que a Grécia só ficou no clube porque a cláusula de rescisão era demasiado elevada?

(o futebolês tem a ver com estes dias...)

Tags:
Publicado por Fernando Delgado às 01:41
| Comentar post
Patilhar
Fernando Delgado

Pesquisar

 

Posts recentes

«Human»

Outono

MEC sobre Trump

À espera de Godot

De Niro, sem maquilhagem

Guterres

Arturo Pérez-Reverte

Achamentos na Costa Vicen...

(Gente) sinistro(a)

«Someday this war's gonna...

BREXIT (adenda)

Brexit

Carla Bley

A Seiva da Raíz

Regresso à «Tabacaria»

Abril

... às portas do casino

a força da canção ao vivo...

O casino!...

Retrospectivas

Avec les temps...

Escravatura...

Umberto Eco

As ondas do Albert

Volta-de-lua

Tags

aprender

canções

estórias

interiores

leituras

notícias do casino

outros olhares

peanuts

pintura

rural

todas as tags

Arquivos