Sábado, 9 de Maio de 2009

Alegre

«(...) Manuel Alegre vai, enfim, anunciar a sua ‘decisão final’. Dizer se sai da política, se fica no PS, aceitando o convite de Sócrates para um novo mandato parlamentar, ou se avança para o Everest de um novo partido. Eis o meu palpite: não sai da política, não arrisca novo partido nenhum e vai continuar no PS e no Parlamento, administrando o seu inesgotável milhão de votos. Desde que não deixe nunca de escrever, de ir à caça e à pesca de robalos, tem o meu apoio.»

 
Miguel Sousa Tavares, no Expresso, de hoje.
 
(... e o meu, também! Afinal, há alguma coisa..., há alguma urgência política que possa substituir um dia de robalos ou de perdizes? Ainda bem que existem pequenos prazeres que subsistem neste mundo idiota...)
Tags:
Publicado por Fernando Delgado às 22:35
| Comentar post
Patilhar
Fernando Delgado

Pesquisar

 

Posts recentes

«Ninguém desce vivo de um...

Recomeços

«Custo social dos incêndi...

Sinais

Recoleção

Domesticação...

"geografia das ausências"

Galerias ripícolas

do res nulius ao black ac...

A case of you

Assimetrias

J. Fanha

Eduardo Mendoza

«o pregador de verdades d...

Belos dias

A Gente Vai Continuar

Talamou

Dylon

«A realidade é uma opiniã...

«Human»

Outono

MEC sobre Trump

À espera de Godot

De Niro, sem maquilhagem

Guterres

Tags

aprender

canções

estórias

interiores

leituras

notícias do casino

outros olhares

peanuts

pintura

rural

todas as tags

Arquivos