Domingo, 5 de Abril de 2009

Siza Vieira

 
 
  
«Vi desenhos seus. Em dois deles, auto-retratos, estava a cavalo e parecia o Dom Quixote. (...)
 
Lembro-me desse desenho. É que tenho um amigo que anda muito bem a cavalo, e eu sou uma desgraça. Às vezes recebo piadas... Uma das reacções a essas piadas foi o desenho, eu e o cavalo, em glória!
(...)»
 
 
 
Ver entrevista ao Público, na edição de hoje.
Publicado por Fernando Delgado às 22:43
| Comentar post
Patilhar
Fernando Delgado

Pesquisar

 

Posts recentes

Eduardo Mendoza

«o pregador de verdades d...

Belos dias

A Gente Vai Continuar

Talamou

Dylon

«A realidade é uma opiniã...

«Human»

Outono

MEC sobre Trump

À espera de Godot

De Niro, sem maquilhagem

Guterres

Arturo Pérez-Reverte

Achamentos na Costa Vicen...

(Gente) sinistro(a)

«Someday this war's gonna...

BREXIT (adenda)

Brexit

Carla Bley

A Seiva da Raíz

Regresso à «Tabacaria»

Abril

... às portas do casino

a força da canção ao vivo...

Tags

aprender

canções

estórias

interiores

leituras

notícias do casino

outros olhares

peanuts

pintura

rural

todas as tags

Arquivos