Sábado, 22 de Novembro de 2008

Geração Y

Detesto juízos de valor, catálogos, rótulos… Mas não resisto a um bom cartoon, ou a um bom texto (lembram-se da expressão geração rasca de Vicente Jorge Silva, no Público, em meados da década de 90, julgo que em 1994?).
Afinal, como aconteceu com a geração rasca, a geração Y acabará por se transformar na geração do poder daqui a uns anos… Não há nenhum drama nisso, mesmo que muitos de nós, de uma geração sem adjectivo ou letra, desviemos o olhar de algum Y mais atrevido…
Tags:
Publicado por Fernando Delgado às 02:16
| Comentar post
Patilhar
Fernando Delgado

Pesquisar

 

Posts recentes

Dylon

«A realidade é uma opiniã...

«Human»

Outono

MEC sobre Trump

À espera de Godot

De Niro, sem maquilhagem

Guterres

Arturo Pérez-Reverte

Achamentos na Costa Vicen...

(Gente) sinistro(a)

«Someday this war's gonna...

BREXIT (adenda)

Brexit

Carla Bley

A Seiva da Raíz

Regresso à «Tabacaria»

Abril

... às portas do casino

a força da canção ao vivo...

O casino!...

Retrospectivas

Avec les temps...

Escravatura...

Umberto Eco

Tags

aprender

canções

estórias

interiores

leituras

notícias do casino

outros olhares

peanuts

pintura

rural

todas as tags

Arquivos